Alergia a cosméticos – causas, sintomas e tratamentos

Saúde e Beleza
novembro 12, 2012

Cosméticos são, sabidamente, a maneira mais simples de corrigir pequenas imperfeições na aparência. Numa época em que está ocorrendo uma popularização das cirurgias plásticas, para a maioria das mulheres e homens ainda é bastante difícil investir numa cirurgia plástica ou em tratamentos de beleza mais famosos. O problema é maior ainda quando estas mesmas pessoas apresentam algum tipo de alergia a cosméticos. Nesse caso, a busca por produtos alergênicos esbarra numa outra questão: faltam produtos no mercado. Se isso não bastasse, eles ainda são, em sua grande maioria, caros.

Mas como é que se manifesta a alergia a cosméticos? Como conviver com isso e quais as saídas para quem já descobriu ser alérgico aos produtos de beleza? Neste artigo, veremos tudo isso, mas em forma de perguntas e respostas para, assim, tornar-se mais didático e fácil de pesquisar.

A alergia é um incômodo enorme e pode ter vários motivos.

Alergia a produtos de beleza

Em que consiste a reação alérgica cutânea por cosméticos?

É o surgimento de uma série de manifestações cutâneas produzidas como consequência da aplicação sobre a pele de uma determinada substância de capacidade alérgica.

Que mecanismos a geram?

O fator desencadeante é um componente cosmético, que, ao ser aplicado sobre a superfície cutânea, combina-se com proteínas localizadas na epiderme. O conjunto cosmético-proteína desencadeia a formação de anticorpos por parte do organismo, atuando, por conseguinte como um verdadeiro antígeno. A reação antígeno-anticorpo que tem lugar é a responsável pela reação alérgica.

Quando ocorre a manifestação alérgica?

Ocorre sempre depois de uma primeira exposição ao produto, que passa inadvertidamente. Depois do primeiro contato, o organismo sensibiliza-se e fabrica anticorpos contra ele, os quais reagirão nas sucessivas aplicações.

Que manifestações surgem como consequência da alergia?

Em primeiro lugar, inchação e avermelhamento da área afetada, que pode chegar a produzir vesículas e crostas. Ambos os casos costumam acompanhar-se de prurido.

De que depende a gravidade da alergia?

Depende da quantidade do produto sensibilizante que possui o cosmético, da quantidade de cosmético que aplica-se a cada vez e do tempo que é usado.

Qual a duração da alergia?

As alergias por contato costumam ser muito duráveis e podem converter-se em graves, quando se continua aplicando o produto causador sobre a área danificada.

A alergia dura toda a vida?

Sim, uma vez que o organismo sensibilizou-se pela substância, é sempre alérgica a ela.

Estas infecções podem contagiar?

O contágio não pode afetar a quem não está sensibilizado ao produto, mas pode estender-se a infecção a outras partes do corpo, se é tocada repetidamente com os dedos infectados.

Que tipos de cosméticos podem produzir alergia?

Em teoria todos, já que é possível que a originem, tanto as substâncias naturais como as químicas. A alergia pode ser causada por um simples creme de mãos, como pelo cosmético mais sofisticado do mercado.

Pode-se ser alérgico a vários cosméticos?

Logicamente, sim; pode-se ser alérgico a todos aqueles que contenham a substância a que a pessoa é alérgica, inclusive a outras substâncias quimicamente parecidas.

Como podemos saber se uma lesão na pele é originada por um cosmético?

Em geral, somente podemos suspeitar devido a sua localização (rosto, pescoço, mãos). O médico é que indicará o produto que pode causá-la e o certificará por meio de testes.

Que devemos fazer se aparece uma alergia cutânea produzida por cosméticos?

Deixar de usar todos aqueles produtos que costumamos aplicar nas áreas afetadas até que o médico indique qual é o causador da alergia e estabeleça o tratamento adequado.

Que outros conselhos são úteis?

Não coçar a área afetada, tocá-la o mínimo possível e protegê-la convenientemente antes de realizar qualquer ação ou trabalho que possa irritá-la.

A área afetada pode ser lavada?

Sim, mas deve-se fazê-lo com um sabonete suave que não tenha enxofre nem perfumes, usando água morna e secando a zona afetada com muita delicadeza.

As alergias deste tipo deixam algum sinal na pele?

Não, a não ser que se tenha coçado ou machucado muito a área afetada.

You Might Also Like

1 Comment

  • Reply Felicia Lopez abril 19, 2014 at 3:52 am

    Gracias por esto, la verdad que es bueno conseguir informaciones de este tipo, ahora mismo comenzaré un proyecto muy relacionado.

  • Leave a Reply